Terça-feira, 31 de Março de 2009

Bolo de laranja - receita de minha mãe - Fofinho

 

 

 

 

 

 

500 g de açúcar

250 g de farinha

10 ovos

uma colher e meia de chá de fermento

sumo e raspa de 2 laranjas

meio copo pequeno de vinho do Porto

 

 

 

 

 

Batem-se as gemas com o açúcar, com a batedeira, até se obter uma gemada consistente.

De seguida, juntam-se as claras em castelo bem firme.

Depois a farinha com o fermento, o sumo e raspa da laranja com o vinho do Porto.

Forra-se uma forma com manteiga, polvilhada de farinha.

Verte-se o preparado para dentro da forma e leva-se a cozer ao forno, a uma temperatura de cerca de 150º - 200º.

Se pretender mais húmido, não se deixa tanto tempo no forno.

Este bolo, é tipo massa de pão-de-ló.

Pode servir-se com chocolate derretido, em cima, ou outro creme que se gostar.

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero "Con le mani" 1987
publicado por Tina às 19:08

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Bacalhau com natas

 Receita para 6 pessoas

  2 dl de azeite

2,5 dl de leite

4 postas grandes de bacalhau demolhado

2,5 dl de natas

2 cebolas grandes cortadas às rodelas finas

1 colher de sopa de maisena

1 colher de sopa de manteiga

2 ovos

piripíri ao gosto

pimenta a gosto

3 dentes de alho cortados

sal q.b

 

 

                     

 

 

Coze-se o bacalhau, limpa-se de peles e espinhas e desfaz-se às lascas.

Numa caçarola larga, temos o azeite com as cebola, o alho e deixa-se refogar até ficar tudo desfeito (não deixar queimar).

Junta-se o bacalhau e deixa-se refogar um pouco mais.

Á parte, faz-se um creme (tipo bechamel), com o leite, o piripíri, a farinha maisena, a manteiga, o sal e gemas (misturar tudo em frio).

Leva-se ao lume este preparado a engrossar e reserva-se.

Cortam-se as batatas aos cubos ou palitos pequenos e fritam-se (mais cozidas que fritas).

 

 

 

Acrescenta-se ao preparado da caçarola, as batatas, as natas e o creme tipo bechamel.

Rectifica-se o tempero.

Por fim, juntam-se as claras batidas em castelo.

Leva-se por instantes ao lume para as claras cozerem um pouco.

Mistura-se tudo e verte-se num tabuleiro.

Polvilha-se de pão ralado ao de queijo ralado e, só na hora de servir, é que se leva a corar (gratinar) no forno (ligar só a parte de cima do forno).

Cuidado para não tostar demais.

 

Acompanhar com uma salada de alface e nozes ou amêndoas cortadas aos bocados, temperada com molho de iogurte.

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Il Mare Impetuoso al Tramonto salì sulla Luna ...
publicado por Tina às 18:28

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Profiteroles com chocolate e chantilly

 

 

 

 

Ingrediente para a massa

 

12 g de açúcar

65 g de manteiga

125 g de farinha

2,5 dl de água

3 ovos grandes ou 4 pequenos

umas pedrinhas de sal

 

 

Creme chantilly

 

4 dl de natas

1 dl de leite

80 g de açúcar

uma gotinha de essência de baunilha

 

 

 

 

Creme de chocolate

 

150 g de chocolate em tablete

1 colher de sopa de natas

1 dl de água

 

 

 

(fondue para chocolate) 

 

Massa dos profiteroles

 

Ferver 2,5 dl de água com o sal, o açúcar e a manteiga.

Retirar do lume e juntar a farinha de uma só vez.

Misturar bem com a colher.

Levar de novo ao lume a cozer, até que a massa se separe da colher e do tacho.

Retirar de novo do lume.

Misturar os ovos, um a um.

Reservar um dos ovos para pincelar (que deve ser batido com um garfo até obter gemada).

 

 

 

 

 

 

Misturar o preparado anterior muito bem, com os ovos que vai adicionando, até obter uma massa homogénea.

Colocar dentro duma seringa de pasteleiro o preparado obtido, de preferência, com um orifício canelado, com cerca de de cinco milímetros de diâmetro.

Num tabuleiro untado de manteiga e polvilhado de farinha,  colocar os profiteroles, do tamanho de meia noz.

Pincelar com o ovo reservado.

Cozer em forno médio (cerca de 200º), durante vinte minutos.

 

Creme

 

Preparar o chantilly, com as natas e com o leite até obter um creme consistente, firme. (batendo com uma batedeira, com cuidado para não passar a manteiga).

Juntar o açúcar e a gota de essência de baunilha.

 

 

 

 

 

Chocolate

 

Derreter a tablete de chocolate com 1 dl de água, em lume brando.

Levar a ferver, mexendo sempre e bem.

Retirar do lume quando estiver completamente derretido.

Junte, com cuidado, as natas e deixe arrefecer.

Cobrir o tacho e reservar.

 

 

Quando os profiteroles estiveram frios, cortar de lado e enchê-los (recheá-los) de chantilly, usando a seringa.

 

 

Colocar os profiteroles em montinhos num prato e poder-se-á salpicá-los de açúcar pilé (ao gosto de cada um).

 

Servir, molhando-os no chocolate que se encontra a derreter, sempre quentinho, no fondue.

No caso de não ter o fondue de chocolate, poderá fazê-lo com uma molheira, onde verterá o chocolate quente.

 

 

Bem Bom !!!!!!!!

Molinhos e Fofinhos e quentinhos !!!!!!

 

Bom Apetite !!!!!!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(Tina e Mariana - minha filha) 

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: My Birthday...Blume!
música: Zucchero- Senza Rimorso
publicado por Tina às 16:45

link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Março de 2009

Arroz de coelho

 

 

 

 

 

 

 

1 coelho limpo

azeite q.b.

sal a gosto

2 cebolas médias

6 dentes de alho

2 colheres de polpa de tomate

2 copos de vinho maduro tinto

piripíri

uma folha de louro

1 raminho de salsa

1 raminho de coentros

6 chávenas de água

2 chávenas de arroz carolino

4 rodelas de salpicão ou chouriço

 

 

 

 

 

Começa-se por picar a cebola e os alhos para um tacho, onde já se juntou o azeite (que deve cobrir o fundo do tacho).

Deixa-se refogar um pouco, mas não deve deixar queimar a cebola e alhos.

Junta-se o coelho cortado aos bocados, e umas rodelas de salpicão ou chouriço.

Acrescenta-se o sal, o piripíri e  a folha de louro, a salsa e coentros.

Deixa-se refogar lentamente e vai-se acrescentando, aos poucos,  o vinho e a polpa de tomate.

Continua a refogar e,  quando o coelho estiver bem estufado, junta-se a água, de preferência, quente.

Rectificam-se os temperos.

Quando a água estiver a ferver, junta.se o arroz.

Leva-se, de novo, a cozer.

Este arroz deve ser malandro. Por conseguinte, se verificar que a água evaporou bastante, vá acrescentado, com cuidado, (para não ser em exagero), um pouco mais de água quente.

 

Bom apetite !!!!!!!

 

 

 

 

  

 

(Tina)

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Solo una sana e consapevole libidine salva i
tags: ,
publicado por Tina às 16:40

link do post | comentar | favorito
|

Cotovelos com gambas e coentros

 

 

 

Receita para duas três pessoas

 

 

Meio pacote de massa de cotovelos

Um pacote de miolo de gambas das grandes (ou pacote e meio, depende do apetite)

Azeite q.b.

10 dentes de alhos

sal a gosto

piripíri q.b.

um molhinho de coentros frescos

10 rodelas de chourição vermelho cortado aos cubinhos pequenos

 

 

 

Num tacho com azeite a cobrir o fundo, acrescentam-se os alhos laminados, o sal, piripíri e o chourição.

Deixa-se refogar um pouco, não deixando queimar os alhos.

Juntam-se as gambas lavadas e escorridas de água.

Refoga um pouco mais.

Quando pronto, junta-se a massa de cotovelos, que já foi cozida (al dente),  em água a ferver, com sal e um fio de azeite.

Deixa-se cozinhar um pouco mais, agora, com o molhinho de coentros incluído no preparado.

Por fim, rega-se, de novo, com um fio de azeite.

Cozinha um pouco mais e serve-se enfeitado com coentros.

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

  

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Non Ti Sopporto Più (1987)
publicado por Tina às 15:58

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Miscelânea fresca de bolo, chantilly e morangos

 

 

 

 

massa filo

fatias de bolo seco ou de pão de ló

morangos q.b.

6 pacotes de natas

açúcar a gosto para o chantilly

pepitas de chocolate

 

 

 

 Forra-se uma tarteira com folhas de filo no fundo e a toda a volta, da maneira que se quiser.

Leva-se ao forno a cozer a massa.

Quando cozida, retira-se do forno e deixa-se arrefecer

Se conseguir retirar a massa com cuidado da forma e colocá-la num prato, óptimo. Se não conseguir, pode preparar a sobremesa dentro da forma.

Reserve a forminha de massa filo.

 

 

 

 

À parte,  juntam-se três pacotes de natas com açúcar, ao gosto, e bate-se até obter chantilly. (Cuidado, para não passar a manteiga).

A estas natas, acrescentam-se alguns morangos que foram previamente lavados e triturados no centrifugador.

 

Reservam-se alguns morangos inteiros.

 

Com as restantes natas, volta-se a fazer chantilly, este sem mistura de morangos.

 

Então, começa-se por forrar a forminha de filo, com  fatias de pão de ló ou bolo seco.

De seguida, cobrem-se as fatias com o chantilly de morango.

Volta-se a cobrir com bolo ou pão-de-ló.

Depois, com chantilly normal.

Por fim, enfeita-se com morangos e um pouco de pepitas de chocolate.

 

Leva-se ao frigorífico até à hora de servir.

 

 

 

 

Com esta sobremesa,  podem aproveitar-se sobras de bolos secos e pode variar-se no conteúdo.

Em vez de chantilly de morangos, pode ser de ananás ou outro fruto.

Pode acrescentar, também, em camadas, nozes, amêndoas, bolacha de baunilha ralada, enfim, frutos secos, chocolate lascado, etc..

 

 

  

 

(Tina)

 

 

 

 

 
BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Hai Scelto Me - Zucchero
publicado por Tina às 15:52

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 13 de Março de 2009

BOLO CHIFFON DE CHOCOLATE

 

 

 

 

300 g de açúcar

175 g de farinha

1 colher de chá de fermento

1/2 chávena de chá de óleo

1/4 de chávena de chá de água morna

1/2 chávena de chá de chocolate em pó

1 pitada de sal

7 ovos

 

Batem-se as gemas com o açúcar e a pitada de sal, até obter uma gemada consistente.

De seguida, junta-se o óleo, com cuidado, mexe-se e então acrescenta-se o chocolate que foi previamente dissolvido na água morna.

Está na altura de se juntar a farinha com o fermento.

Volta-se a mexer.

Por fim, envolve-se a massa com as claras em castelo bem firme.

 

Leva-se ao forno, com temperatura , cerca de 120º.

Para se ver se está cozido, utiliza-se o palito.

Vira-se para um prato grande, pois este bolo tem cobertura de chocolate.

 

 

 

Cobertura de chocolate

1 tablete de chocolate para culinária de cerca de 200 g

1 pacote de natas de 250 g

1 colher de sopa de manteiga

 

Num tacho, em lume muito brando, ou em banho-maria, levam-se todos os ingredientes a derreter, com cuidado e sempre mexendo com colher, até se obter um bom creme espesso, sem grumos.

Não aconselho a fazê-lo no microondas.

 

 

 

Pode enfeitar-se com chocolate lascado branco, ou outro, com pintarolas, com chantilly, enfim, ao gosto e imaginação de cada um.

 

 

 

 

(Tina e Mariana - minha filha)

 

   

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Ridammi Il Sole (1992)
publicado por Tina às 20:53

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

BOLA DE CARNE À MARIA SALOIA

 

 

 

1 kg de farinha

7 ovos inteiros

100 g de fermento padeiro

1 chávena de chá de água morna

1 chávena de chá de azeite morno

1 pedrinhas de sal

chourição, chouriço, presunto, salpicão, fiambre, presunto - a quantidade suficiente ao gosto

fatias de queijo  - cerca de 8

 

 

Dissolve-se o fermento padeiro na água morna, com as pedrinhas de sal.  

Junta-se a farinha, aos poucos e vai-se trabalhando cuidadosamente a massa, com as mãos.

Um a um,  e não à "Maria Saloia", vão-se acrescentando os  ovos, que não devem vir do frigorífico.

De seguida, junta-se o azeite morno, e continua a trabalhar-se a massa.

Se esta estiver muito líquida, pode juntar-se um pouquinho  (só) de farinha.

Trabalha-se a massa, até esta ficar homogénea e elástica.

Agora, cobre-se com um pano limpo e coloca-se o alguidar, onde ela foi trabalhada, num lugar sem correntes de ar, e sem frio.

Fica assim a repousar, cerca de 20 minutos, até levedar o suficiente para que cresça o dobro.

 

 

 

 

Forra-se um tabuleiro grande com manteiga e polvilha-se de farinha.

Cobre-se com uma camada fina de massa.

Como se trata de uma massa elástica, é fácil trabalhá-la, desde que se tenha sempre as mãos enfarinhadas.

De seguida, coloca-se em cima da massa uma camada de carnes cortadas em fatias finas e, de quando em quando, acrescenta-se uma fatia de queijo.

Todos os espaços devem ser preenchidos com  a carne, de maneira que a massa fique toda coberta.

 

A seguir, dispõe-se em cima das carnes outra camada fina de massa e assim sucessivamente.

A última camada deve ser de massa.

Pincela-se com um ovo batido e leva-se ao forno a cozer a 120º.

Está pronta, quando ao verificar-se com o palito, não vier agarrada massa crua.

 

 

 

(Tina)

 

   

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Il Volo...Sogno
publicado por Tina às 19:28

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

GAMBAS EM ESPARGUETE FRITO

 

 

 

GAMBAS EM ESPARGUETE

 

 

 

Dose para 2 /3 pessoas

 

250 g de esparguete

1 embalagem de miolo de gamba (ou se preferir mais)

10 rodelas de chouriço vermelho cortado aos quadrados pequenos

sal a gosto

coentros

salsa

azeite q.b.

1 malagueta de piripíri

12 dentes de alhos

 

 

 

 

Coze-se o esparguete em água a ferver, temperada de sal e um fio de azeite.

Retira-se, quando estiver "al dente", isto é, não muito cozida.

 

Entretanto. cobrimos o fundo dum  tacho com azeite, onde se juntaram os alhos laminados, o sal, e o chouriço.

Deixa-se refogar um pouco, sem deixar queimar os alhos.

Acrescenta-se  o miolo das gambas, o  piripíri, alguns coentros e algumas folhas de salsa.

Deixa-se refogar, mais um pouco e rectificam-se os temperos.

Junta-se este preparado à esparguete, acrescenta-se um fio de azeite e envolve-se tudo, deixando cozinhar mais uns minutos.

Serve-se bastante quente, guarnecido com folhas de coentros e salsa.

 

É óptimo este prato e faz-se muito depressa.

 

   

 

(Tina)

 

 

 

 









 

BLUMEN
sinto-me: Fiore.Blume,Flower,Fleu,Flor
música: Libera l'amore Zucchero
publicado por Tina às 18:48

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 10 de Março de 2009

GAMBAS MARRABENTA

 

 

Gambas Picantes

 

dose para uma pessoa

 

 

6 a 8  gambas grandes

azeite q.b.

sal q.b.

piripíri q.b.

1 limão

 

Cobre-se o fundo dum tacho antiaderente, com azeite.

Colocam-se dentro as gambas lavadas, inteiras.

Temperam-se com sal e piripíri.

 

Tapa-se o tacho e deixa-se cozinhar durante algum tempo.

De quando em quando, mexe-se para cozerem de ambos os lados.

As gambas não devem ficar queimadas.

 

Servem-se quentes e podem ser regadas com sumo de limão, se preferirem.

 

Uma boa cervejinha geladinha a acompanhar......e Bom Apetite.....

Não esquecer que a quantidade de piripíri é de acordo com o gosto....mas, convém que  estas sejam um pouco picantes.

 

 

  

 

 

(Tina)

 

 

 

 









 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Dança Marrabenta - Mc Roger
publicado por Tina às 19:40

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Segunda-feira, 9 de Março de 2009

BACALHAU À BRAZ À MINHA MANEIRA

 

 

BACALHAU À BRAZ

 

Receita para 4 a 6 pessoas

 

8 batatas grandes

3 postas ou quatro de bacalhau

2 cebolas

3 dentes de alho

azeite q.b.

sal a gosto

salsa q.b.

coentros q.b.

pimenta a gosto

8 ovos inteiros

azeitonas para guarnecer

 

Cobre-se o fundo dum tacho largo, com azeite, onde se misturam os alhos laminados,  as cebolas às rodas, e sal a gosto.

Deixa-se refogar um pouco, não deixando queimar a cebola e alhos.

Junta-se agora o bacalhau, que foi demolhado, cozido levemente, limpo de espinhas, peles e esfiapado.

 

 

Refoga um pouco mais, mexendo sempre.

Quando estiver bem refogado, acrescentam-se as batatas cortadas aos palitos ou quadrados pequenos, que foram fritas em azeite.

De novo, mexe-se o preparado e juntam-se os ovos batidos.

Rectifica-se o tempero e, dependendo do gosto, pode juntar-se um pouco de pimenta (pouca).

Vai-se mexendo sempre até os ovos ficarem bem passados.

Pode servir-se numa travessa, guarnecido com coentros, salsa e azeitonas.

 

Saboreiem este delicioso prato de bacalhau....ouvindo esta musiquinha LINDA da Joan Baez _ Diamonds and Rust...

Bom Apetite!!!!

 

  

 

 

 

 

(Tina) 

 

 

 







 



 

BLUMEN
sinto-me: Blume...Wunderbar!
música: Zucchero - Una Carezza (no live)
publicado por Tina às 13:10

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quarta-feira, 4 de Março de 2009

CATAPLANA DE PEIXE E MARISCO À MINHA MANEIRA

 

CATAPLANA

 

 

 

 

2 embalagens de miolo de gambas

8 gambas inteiras

amêijoa

outro marisco ao gosto (a quantidade que se pretender)

meio tamboril limpo e cortado aos cubos

1 posta grande de raia limpa e cortada aos cubos

1 posta de cherne

2 postas de peixe espada cortada aos cubos

 2 postas de  pescada limpa e cortada aos cubos

1 posta grande de rodovalho cortado

e se pretender (dependendo do número de pessoas) outros peixes diversos

azeite q.b.

sal q.b.

alhos q.b.

2 cebolas às rodelas

1 tomate grande maduro, sem pele

meio pimento verde

meio pimento vermelho

piripíri q.b.

1 folha de louro

1 raminho de salsa

meio cálice pequeno de vinho maduro branco ou de cerveja branca

1 ramo de coentros

 

 

 

( preparar tudo em frio) 

 

Na panela própria de CATAPLANA cobrir o fundo com azeite suficiente, colocar todos os peixes cortados, mariscos,  miolo de gambas e gambas inteiras.

Acrescentar os pimentos cortados, as cebola às rodelas, os alhos laminados, os coentros, a folha de louro, o tomate cortado aos cubos pequenos, o raminho de salsa e regar com o vinho, ou cerveja branca.

Temperar de sal e piripíri.

Mexer um pouco, com colher, para misturar todos os ingredientes.

Tapar a cataplana e levar ao lume brando.

Não deve mexer mais o preparado.

Cuidado ao abrir a tampa da cataplana para verificar se está já confeccionado o prato, pois poderá queimar-se com o vapor de água.

Este prato não leva muito tempo a ficar preparado.

Servir acompanhado de batatinha cozida ou arroz seco.

Também pode juntar ao preparado enquanto cru, batatinhas, que cozerão juntamente com o peixe e marisco.

 Particularmente, eu aprecio o acompanhamento com arroz seco.

 

 

 


 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Anytime (1991)
publicado por Tina às 10:45

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Terça-feira, 3 de Março de 2009

ENTRECOSTO E PERNIL DE PORCO ASSADOS COM ARROZ DE FORNO

 

PORCO ASSADO

 

 

 

ENTRECOSTO E PERNIL DE PORCO ASSADOS

 

1 entrecosto de porco

1 pernil de porco

azeite q.b.

3 copos de vinho maduro branco

1 cálice de whisky

2 colheres de sopa de polpa de tomate

8 cabeças de alho cortados a meio

1 raminho de salsa

alecrim q.b.

sal q.b.

piripíri ao gosto

2 folhas de louro

batatas

 

 

Forra-se o fundo duma assadeira com cebola e alhos cortados.

Salpica-se com um pouco de sal e mete-se dentro a carne e batatas descascadas.

Rega-se com o azeite, de maneira que cubra o fundo da pingadeira (assadeira). Junta-se o vinho e o whisky.

Tempera-se com o restante sal, o piripíri, o tomate pelado, o louro, o alecrim e a salsa.

Leva-se ao forno a assar e de quando em quando, rega-se o preparado com o molho.

Vai-se também virando a carne e batatas, para não se queimarem.

Se o assado for feito em forno a lenha (como este que aqui apresento), deve cobrir-se com folha de alumínio, de início, para não tostar demasiado.

 

 

 

 

 

ARROZ DE FORNO

 

1 chávena de arroz (estufado, evaporado ou até carolino)

(este é estufado)

2 chávenas de água quente

sal ao gosto

1 cebola  picada

1 cabeça de alho picada

azeite q.b.

 

Cobre-se o fundo dum tacho com azeite e junta-se a cebola e alho picados.

Deixa-se refogar um pouco, até a cebola ficar macia, sem queimar.

Junta-se o arroz e com uma colher, vai-se mexendo até este ficar bem frito, não queimado.

Acrescenta-se, agora, a água quente, tempera-se de sal e tapa-se.

Reduz-se o lume para o mínimo.

Quando a água desaparecer, leva-se ao forno a secar.

Também, pode levar-se o arroz ao forno depois de se juntar a água, sem cozer ao lume. Demorará um pouco mais a fazer, mas fica óptimo.

 

 

 

 

(Tina)

   

 

 

 


 








 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Non aver paura
publicado por Tina às 21:39

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

mais sobre mim

pesquisar

 

Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

cuco

arquivos

Janeiro 2016

Novembro 2015

Outubro 2015

Julho 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Abril 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Maio 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Setembro 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

tags

todas as tags

links

deliciem-se...

019[1] 008 001 (2) 158 mflortavares mflortavares Todas as fotografias deste Blog têm direitos reservados. No caso de pretender utilizar alguma, recordo que deverá contactar-me previamente e solicitar autorização para tal.

favorito

Ponto Final

Caminhar entre flores

The questions

Mulher

Ciclos

Sentimentos reencontrados

sonhos ... reminiscência...

sonhando...!

amor emprestado....

Os Malinos

posts recentes

fogaça

BRIOCHES e CROISSANTS

húngaros

húngaros

scones

QUEIJADA EM BOLO DE CHUCH...

bolo de mousse de chocola...

compota de cereja

Compota de ameixa

Bolo de maçã, canela e no...

SCONES

tarte de chuchu

creme de tapioca

compota de dióspiro ( caq...

OUTONO - Época das cas...

contador

Alex Tina Tavares | Cria o teu cartão de visita
Tina Tavares

Cria o teu cartão de visita

subscrever feeds

blogs SAPO
minha rádio cotonete:

tradutor

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish
Widget by Dicas Blogger
Edit this page (if you have permission) | Google Docs -- Web word processing, presentations and spreadsheets.