Terça-feira, 30 de Junho de 2009

Carne picada com massa

 Receita para 10/12 pessoas

 

 

300 g de massa  (cotovelos, espirais, macarrão ou outra)

sal q. b.

carne picada (pode ser mistura de carne de porco (300 g), de vaca (300 g),  1/2 chouriço, 1/2 chourição, 1/2 salpicão...)

azeite 1, 5 dl

1 ramo salsa picada

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

3 colheres de sopa de polpa de tomate

pimenta q. b.

água suficiente para cozer a massa

1 colher de sopa de vinho branco

queijo ralado q.b.

 

 

 

Cobrir o fundo do tacho com azeite.

Introduzir dentro do azeite, a cebola e alhos picados.

Deixar refogar um pouco, sem queimar a cebola e acrescentar de seguida,  o sal, o vinho, o tomate e a pimenta.

Quando estive a cebola amaciada, passar a varinha  e dessa forma obtém-se um molho espesso. Acrescentar as carnes todas picadas e juntas.

Deixar de novo ao lume a cozinhar as carnes, mexendo assiduamente, durante algum tempo.

Quando pronto, reservar.

 

 

 

Levar ao lume uma panela com água, sal ao gosto, e um fio de azeite.

Quando estiver a água a ferver, introduzir dentro a massa.

Mexer com colher.

Quando cozida, al dente, retirar.

Escorrer e juntar um pouco de azeite.

Levar de novo ao lume, por um minuto, apenas.

Servir um pouco de massa, num prato e, no centro, colocar um pouco de carne picada, com o molho que se juntou.

Salpicar com queijo ralado, se pretender.

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Cristina Aguilera & Andrea Bocelli
publicado por Tina às 18:53

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Junho de 2009

Lulas estufadas

 

 

 

........Bem, e, não fiquei somente pelos "carapauzinhos do nosso mar"!.....

....Também consegui trazer algumas lulas fresquinhas, acabadinhas de sair da rede........

Fizeram-me lembrar as que o Alex, meu marido, em tempos, pescava no Algarve, durante a noite, com seus amigos, pescadores, (doentes pela pesca, como ele),  em barcos de recreio.

Eram tantas, tantas que, certo dia, tive que distribuir pelos amigos e comprar uma enorme geleira, para conseguir trazer para o Norte aqueles troféus!

 

Receita para cerca de 8 pessoas 

 

 

 2 kg de lulas

sal q.b.

azeite 1,5 dl

1 folha de louro

1 malagueta de piripíri

1/2 copo de vinho maduro branco

salsa q.b.

2 cebolas

2 dentes de alho

3 colheres de sopa de polpa de tomate

3 rodelas de chouriço  de colorau

 

 

 

Cobrir o fundo dum tacho com azeite.

Juntar a cebola, alhos picados, salsa, folha de louro, o piripíri e rodelas de salpicão ou chouriço.

Levar ao lume até a cebola amaciar levemente, em lume brando.

Acrescentar as lulas limpas. bem lavadas (muito bem lavadas, de maneira que não haja areia) e cortadas.

Juntar a polpa de tomate, tapar o tacho e deixar refogar, durante algum tempo, sempre em lume moderado.

Mexer de vez em quando, com colher.

 

 

 

Juntar aos poucos o vinho e voltar a mexer, para não pegar no fundo.

Rectificar, por fim os temperos.

O molho deve ser espesso e as lulas devem ficar cozidas.

Servir com batata cozida, com arroz branco ou então, com massa cozida.

 

Por vezes, também as preparo "recheadas".

 

O meu recheio, talvez seja diferente...mas posso dizer que são óptimas, como as confecciono.

 

Aproveito os tentáculos e cabeças, bem limpos, junto salpicão ou chouriço de colorau moído (quantidade ao gosto), e recheio a lula, previamente lavada (muito bem lavada, de maneira a não haver resíduos de areia).

Tapo com um palito e levo a refogar da mesma forma que faço com elas cortadas.

 

Bom Apetite!

 

 

(Tina)

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Página inicial Vídeos Canais
publicado por Tina às 23:43

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Carapauzinhos do nosso mar fritos

 

 

Uma receita vulgaríssima e muito fácil de se preparar......no entanto, venho trazer aqui, simplesmente um "cheirinho".

 

No passeio que postei no meu blog "Natureza", no passado sábado, dia 27, referi, mostrando na Praia da Vieira e em Pedrógão a "pesca artesanal" (Arte Xávega).

 

Na sequência dessa pesca, captei com a câmara, alguns exemplares de peixe, acabados de serem capturados pelos pescadores que, na lota da  Praia da Vieira, os vendiam.

 

A decisão foi logo imediata! - Trazer peixe fresco para casa,  comprar algum gelo, bem como uma geleira para o transportarmos e  protegermos do calor.

 

 

Dia seguinte, comecei por preparar os carapauzinhos.

Retirei tripa, lavei e salpiquei-os de sal grosso.

Mantive-os assim , apenas, durante alguns minutos.

 

 

 

 

Limpei-os de sal e humidade, passei-os por farinha e fritei-os em óleo quente. 

 

 

De seguida, deixei que escorresse algum excesso de  gordura, em papel absorvente.

 

 

 

 

Servi de imediato, acompanhado de um arroz de pimentos e tomate e uma saladinha mista, fresquinha.

 

 

 

 

Bem.......e segredo-vos, cá entre nós!

Espinhas, cabeças e rabos de peixe...nem vê-los!

Comeram tudo!

 

  

 

Bom Apetite!!!!!

 

E, se conseguirem, alguma vez, este peixinho, podem enfiar vários, num palito (nos olhos) e fritar desta forma, depois de os passar por farinha.

 

 

 

 

(Tina) 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero & Sinead ò`conner-Va Pensiero
publicado por Tina às 23:17

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 26 de Junho de 2009

Frango com cerveja

 

 Receita para cerca de 10 pessoas

 

 

 

 

1 frango de preferência caseiro

1 garrafa pequena de cerveja com álcool

sal q.b.

2 cenouras cortadas aos quadrados

1 cebola grande picada

2 dentes de alho laminados

3 colheres de sopa de polpa de tomate pelado

se gostar, 1 malagueta de piripíri

2 chávenas de chá de ervilhas, ou se preferir mais quantidade

azeite q. b.

1 raminho de salsa picadinha

1 folha de louro

2 rodelas de salpicão ou chouriço vermelho de colorau

 

 

 

Cobre-se o fundo dum tacho com azeite.

Junta-se a cebola picada, o louro, a salsa, o piripíri e os alhos laminados.

Leva-se ao lume, a refogar com o sal, durante alguns minutos, tapado, em lume brando, até amaciar a cebola, sem deixar queimar.

Acrescenta-se o frango cortado aos bocados e o salpicão ou chouriço.

Vai de novo, a refogar durante algum tempo, sem deixar queimar o frango.

Vai-se mexendo, de quando em quando o frango no tacho, com uma colher.

Ao longo desta preparação ,a pouco e pouco, acrescenta-se a cerveja.

Tapa-se sempre o tacho.

Quando estiver quase, cozido, junta-se a cenoura e as ervilhas.

Coze um pouco mais.

Serve-se com tostinhas ou arroz branco.

 

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Freddie Mercury Tribute(8)- Zucchero & Queen
publicado por Tina às 19:33

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Junho de 2009

Tamboril com batata e legumes

Receita para cerca de 6 pessoas 

 

 

 

8 a 10 postinhas de tamboril

2 cenouras cortadas aos quadrados pequenos

1 cebola às rodelas

2 dentes de alho laminados

4 batatas médias cortadas aos quadrados pequenos

1 chávena de chá de ervilhas congeladas

azeite q.b.

sal q.b.

coentros q.b.

1 folha de louro

1/2 chávena de chá de leite

1/4 de couve repolho cortada em Juliana

 

 

 

 

Cobrir o fundo dum tacho com azeite.

Em frio, juntar a cebola, os alhos, as cenouras, a batata, o sal, coentros, folha de louro, a couve e as ervilhas.

Levar a refogar em lume brando.

Mexer de quando em vez e, quando estiver quase cozido, juntar o tamboril e o leite.

Deixar refogar um pouco mais, sem deixar desfazer o peixe.

Abanar o tacho em vez de mexer com a colher, para não desfazer o peixe.

Rectificar de sal.

Servir imediatamente.

 

 

 

Este prato, foi preparado para um familiar de casa, que não pode comer alimentos muito condimentados e com muita gordura.

Creio que se for confeccionado com um pouco de piripíri, com miolo de camarão,  outro peixe variado e substituir o leite por natas, deverá ficar óptimo.

Mas, mesmo assim preparado, é bom, também.

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Scorpions, Zucchero & B. Philharmoniker - Send me an Angel
publicado por Tina às 20:33

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 11 de Junho de 2009

Compota de amora.......

...NÃO SILVESTRE......

 

....HOJE FUI ATÉ AO MEU JARDIM, COLHI AS AMORAS DA MINHA AMOREIRA.......ESQUECI AS LUVAS E, NO FIM, FIQUEI COM AS MÃOS E UNHAS TODAS ARROXEADAS....CONCLUSÃO - TIVE QUE AS LAVAR COM LIXÍVIA PARA FICAREM BRANCAS......

 

 

.......MAS,  VALEU O TRABALHO......SABEM PORQUÊ?

- PORQUE PREPAREI UMA ÓPTIMA "COMPOTA DE AMORA" .......ACABADINHAS DE COLHER ....

...AH..!!!!.....TÃO BOM!!!!!!

VEJAM LÁ O ASPECTO!.....

 

 

 

 

1 kg de amoras

1 kg de açúcar

1 casca de limão

1 pau de canela

a cabeça de 1  cravinho

 

 

 

 

Lavam-se as amoras com água fria.

Num tacho, leva-se ao lume as amoras com o açúcar, a canela, a cabeça do cravinho e a casca de limão.

Antes de levar ao lume, envolve-se tudo muito bem, com colher.

Em lume médio, ou mínimo, deixa-se cozinhar até obter um ponto de compota.

Cuidado, não deixar levantar muito a fervura, porque tem tendência a fazer espuma e sair pelo tacho fora.

Quando pronto. guarda-se em frasquinhos.

Quando frio, tapa-se, depois de cobrir a superfície com polvilho de açúcar para não ganhar bolores.

Óptimo para acompanhar bolos secos, tostinhas, bolachinhas, sorvete, um sem número de pratos.....é só ter imaginação!

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
publicado por Tina às 19:50

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Terça-feira, 9 de Junho de 2009

Feijoada - chispalhada à minha maneira

FEIJOADA COM TODOS!!!!.....

..........COM CHISPE, COM COUVE, COM CENOURAS, COM CARNE DE PORCO, ENTREMEADA, COSTELA, SALPICÃO....E POR AÍ.......

 

Receita para cerca de 10 a 12 pessoas 

 

 

2 chispes

2 tornozelos

2 pernis

250 g de entremeada

2 costelas (costelas) inteiras

1 salpicão inteiro

1 rolinho de carne de porco do filé

1 couve repolho inteira

2 cenouras pequenas

2 cebolas médias

2 dentes de alho

2 colheres de polpa de tomate pelado

sal q b.

piripíri q b.

1/2 copo de vinho maduro branco

2, 5 kg de feijão branco

1 folha de louro

água q.b.

 

 

 

 

Temos o feijão demolhado e cozido

Temos já o chispe, pernil, tornozelo e couve cozidos, em água e sal.

Reserva-se a água da cozedura.

 

 

Cobrimos o fundo dum tacho com azeite suficiente.

Picamos as cebolas e os alhos dentro e vamos deixar alourar um pouco, sem deixar queimar.

Acrescentamos as carnes que não estão cozidas, e o salpicão cortadas aos bocados, o sal, a folha de louro e o piripíri.

Deixamos refogar, sem queimar.

Vamos acrescentar aos poucos o vinho e a polpa de tomate.

Junta-se agora a cenoura cortada aos quadrados pequenos.

Continua a refogar durante algum tempo, tapado. Cuidado, para não queimarem as carnes.

Temos o lume brando, sempre.

De seguida, cortam-se as bocados maiores o chispes, os tornozelos e o pernil e junta-se no tacho.

Deixa-se refogar um pouco mais e vai-se acrescentando a água de cozer as carnes, que se reservou,  pouco de cada vez.

Tapamos o tacho.

Quando tiver água suficiente para se poder acrescentar o feijão, junta-se também a couve cortada.

Coze um pouco mais para apurar tudo.

Rectifica-se de temperos.

 

Serve-se com arroz seco.

A receita do arroz já a tenho por aqui, numa receita de carne assada no forno a lenha.

 

 

 

 

 

 

BOM APETITE!

E BOA SONECA, DEPOIS DUMA REFEIÇÃO DESTAS!

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: lacrime di zucchero
publicado por Tina às 15:30

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quinta-feira, 4 de Junho de 2009

Compota de abóbora

 

 

1 kg de abóbora

1 kg de açúcar

1 pau de canela

1 casca de limão

1 cravinho ( se gostar)

(Se gostar, a quantidade pretendida de nozes, amêndoas ou pinhões)

 

Corta-se a abóbora, retira-se a casca, corta-se de novo aos bocados pequenos e lavam-se.

Pesam-se esses bocados.

Para cada quilo de abóbora junta-se o mesmo peso em açúcar.

Envolve-se tudo, misturando, com colher.

Leva-se ao lume, com o pau de canela e casca de limão a cozer, em lume brando.

Quando estiver no ponto, com uma cor ligeiramente douradinha, e com consistência de compota, junta-se 1 cravinho (no caso de gostar) e, se pretender, também, poderá juntar um pouco de  amêndoas cortadas aos bocadinhos, pinhões ou nozes.

Envolve-se tudo de novo.

Guarda-se em frascos e deixa-se arrefecer.

Quando frio, cobre-se a parte de cima da compota com um pouco de açúcar  e tapa-se com tampa.

Óptimo, acompanhado com queijo fresco, requeijão, queijo flamengo,  tostinhas, ou bolacha......

 

  

 

(Tina)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Il Volo...Sogno
publicado por Tina às 19:53

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Frango estufado com ervilhas e cenoura

 

 

Feito como sei!!!!!!

Com frango caseiro!!!!!

 

Receita para cerca de 8  pessoas

 

 

 

 

1 frango caseiro

azeite q. b.

sal q. b.

2 chávenas de ervilhas congeladas

2 cebolas

2 dentes de alho

1/2 copo de vinho maduro branco

2 cenouras cortadas aos quadrados

1 folha de louro

2 a 3 colheres de sopa de polpa de tomate pelado

 

 

 

Começa-se por cobrir o fundo dum tacho com azeite.

De seguida, corta-se para dentro a cebola picadinha, bem como os alhos.

Leva-se a alourar um pouco, não deixando queimar a cebola e alho.

Acrescenta-se o frango cortado e limpo, com a folha de louro e sal.

Deixa-se refogar um pouco, e vai-se juntando, aos poucos, a polpa de tomate e o vinho branco.

Em lume médio, vai refogando lentamente,

Acrescenta-se, entretanto, a cenoura cortada aos quadrados e as ervilhas.

Se necessário, junta-se um pouquinho (mas pouco mesmo) de água, para não torrar no fundo.

Quando o frango estiver lourinho e cozido, retira-se do lume e está pronto a ser servido.

Pode acompanhar-se com arroz seco ou tostinhas de pão.

Nota: Forma-se um molho que é óptimo com tostas de pão, no fundo do prato.

 

 

 (Tina)

 

 

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Fuoco nel mattino
publicado por Tina às 18:44

link do post | comentar | favorito
|

Bolinhos de Bacalhau.....no Norte de Portugal......

 

.......".Pastéis de Bacalhau .......no sul do País"......

.........que vai dar tudo ao mesmo, afinal!

 

Receita minha, talvez diferente das habituais.....desconheço!

 

 

Receita para cerca de 6 a 8 pessoas 

 

 

 

4 batatas grandes cozidas

2 postas grandes de bacalhau cozido

sal q. b.

salsa picada q. b.

2 ovos inteiros

pimenta q. b.

1 cebola pequena bem picada

 

 

 

 

Cozem-se as batatas e depois de cozidas esmagam-se com um garfo.

Coze-se o bacalhau e depois de cozido, retiram-se as espinhas e peles.

Esfia-se o bacalhau o máximo que se puder com as mãos.

De seguida, coloca-se dentro dum pano limpo e vai-se amassando bem até esfarelar bem o bacalhau.

Junta-se a polpa de batata e bacalhau num recipiente fundo. Acrescentam-se os ovos batidos, a cebola picada, o sal, a salsa picada e a pimenta.

Junta-se tudo muito bem.

Se pretender uma polpa mais homogénea poderá passar a varinha.

 

 

 

 

Tem-se o óleo ou azeite quente ao lume.

Vão-se tendendo, com a ajuda de duas colheres, bolinhas de massa que se levam a fritar, redondas ou ovais, conforme o gosto (pequenos ou grandes).

Vão-se retirando, depois de fritas,  escorrendo em papel, várias vezes, para não ficarem muito gordurosos.

 

 

 

 

Servem-se com arroz de tomate, ou de feijão, ou de coentros, ou de bacalhau ( como se pretender), e uma saladinha a gosto.

Pode acrescentar à salada umas azeitonas, que sabem bem com estes pastéis ou bolinhos de bacalhau.

Nota: Se pretender, poderá acrescentar as claras em castelo depois das gemas. Há quem faça com claras em castelo.

Estes, foram confeccionados com os ovos inteiros batidos.

 

 

 (Tina)

 

 

 

Zucchero - Fuoco nel mattino

 

BLUMEN
sinto-me: Blume
música: Zucchero - Fuoco nel mattino
publicado por Tina às 18:24

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

mais sobre mim

pesquisar

 

Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

cuco

arquivos

Janeiro 2016

Novembro 2015

Outubro 2015

Julho 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Abril 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Maio 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Setembro 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

tags

todas as tags

links

deliciem-se...

019[1] 008 001 (2) 158 mflortavares mflortavares Todas as fotografias deste Blog têm direitos reservados. No caso de pretender utilizar alguma, recordo que deverá contactar-me previamente e solicitar autorização para tal.

favorito

Ponto Final

Caminhar entre flores

The questions

Mulher

Ciclos

Sentimentos reencontrados

sonhos ... reminiscência...

sonhando...!

amor emprestado....

Os Malinos

posts recentes

fogaça

BRIOCHES e CROISSANTS

húngaros

húngaros

scones

QUEIJADA EM BOLO DE CHUCH...

bolo de mousse de chocola...

compota de cereja

Compota de ameixa

Bolo de maçã, canela e no...

SCONES

tarte de chuchu

creme de tapioca

compota de dióspiro ( caq...

OUTONO - Época das cas...

contador

Alex Tina Tavares | Cria o teu cartão de visita
Tina Tavares

Cria o teu cartão de visita

subscrever feeds

blogs SAPO
minha rádio cotonete:

tradutor

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish
Widget by Dicas Blogger
Edit this page (if you have permission) | Google Docs -- Web word processing, presentations and spreadsheets.