Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Papo Cheio

Meus Aromas e Sabores

Papo Cheio

Meus Aromas e Sabores

Seg | 27.04.09

Caldeirada de bacalhau ou outro peixe

Tina

 

 

 

 

CALDEIRADA DE PEIXE

 

 

 

Dose para cerca de 4 a 6 pessoas

depende daquilo que comerem

 

 

4 ou 6 postas grandes de bacalhau demolhado

ou se preferir outro peixe variado

azeite q. b.

6 dentes de alho

3 cebolas grandes

12 batatas grandes

sal a gosto

piripíri a gosto

1 copo de vinho maduro branco

salsa a gosto

coentros a gosto

1 folha de louro

 2 pimentos

tomate

1 colher de sopa de açafrão

3 rodelinhas de chouriço vermelho

 

 

 prato preparado ainda em cru

 

Este prato é preparado todo em frio.

Cobre-se o fundo dum tacho com muito azeite, corta-se para dentro as cebolas às rodelas e os alhos laminados.

Junta-se o sal, o vinho, o louro, a salsa, os coentros, o piripíri, o açafrão, os pimentos cortados, o chouriço, as batatas aos cubos, o bacalhau, também, este,  aos cubos  ( ou outro peixe, cortado aos pedaços).

Recomendo que tudo isto seja feito às camadas sucessivas. Camada de cebola, de alho, de peixe e de batata, repetindo a sucessão.

Mistura-se tudo, antes de levar ao lume e rectificam-se os temperos.

Leva-se ao lume brando e deve cozer lentamente.

Não deve mexer-se, simplesmente, abanar o tacho.

(Também costumo confeccionar caldeirada de enguias da mesma forma).

Nas caldeiradas, nunca se deve utilizar água, pois ao cobrirmos com tampa, e cozendo lentamente, criar-se-á um vapor que não deixará secar.

Cuidado, porque este prato faz-se depressa.

Serve-se de imediato, quentinho.

 

 

 

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

BLUMEN
Seg | 27.04.09

Espetadas de Frutos

Tina

 

 

 

 

 

 

ESPETADAS DE FRUTOS COM CHOCOLATE QUENTE

 

vários frutos tropicais e não só como:

ananás

manga

uvas

melão

banana

morango

kiwi

pêssego

laranja

tangerina

clementina

e

outros mais frutos diversos da época

desde que não oxidem ao ar

 

 

 

 

 

Fazem-se espetadas, com os frutos cortados, da maneira que se pretender.

Dispõem-se num prato.

Ao lado, tem-se o fondue com o chocolate derretido, sempre quente.

Ao servir a espetada, pode-se colocar um pouco do chocolate em cima. 

A receita do creme de chocolate encontra-se em baixo.

 

 

(fondue para chocolate).

 

 

 

Creme de chocolate

 

150 g de chocolate em tablete

1 colher de sopa de natas

1 dl de água

 

Derrete-se a tablete de chocolate com 1 dl de água, em lume brando.

Leva-se a ferver, mexendo sempre e bem.

Retira-se do lume quando estiver completamente derretido.

Junta-se, com cuidado, as natas e deixe arrefecer.

Cobre-se o tacho e reserva-se.

Antes uma hora de servir , aquece-se o fondue com a velinha e verte-se dentro o chocolate quente. Ele manter-se-á quente, enquanto a velinha estiver acesa. Deve-se mudá-la sempre que necessário.

 

 

 

(Tina e Mariana - minha filha)

 

 

 

 

 

BLUMEN
Seg | 27.04.09

Paté de delícias do mar

Tina

 

 

PATÉ DE DELÍCIAS DO MAR

 

 

 

 

Ingredientes

 

6 delícias

1 ovo cozido

1/2 cebola

salsa q.b.

pimenta branca q. b.

maionese  q.b.

Ketchup q. b.

 

 

Preparação

 

Coze-se o ovo e esmaga-se com um garfo.

Junta-se a cebola picada (muito picadinha), de seguida, as delícias desfeitas, a salsa picada, a pimenta e por fim a maionese (que pode ser feita em casa ou comprada).

Por fim, acrescenta-se o ketchup, a gosto.

Verte-se em tacinhas e polvilham-se de salsa picada ou inteira.

 

Atenção : Recomenda-se que todos os ingredientes sejam picados e esmagados manualmente e não com máquinas eléctricas.

Também se aconselha a não se utilizar demasiada maionese, uma vez, que a consistência do paté depende da quantidade que se usa. Quanto mais  se acrescenta, mais líquido fica o paté.

Óptimo para barrar tostinhas

 

 

 

 

 

(Tina e Mariana - minha filha)

 

 

 

 

 

BLUMEN
Seg | 27.04.09

Paté de atum

Tina

 

 

 

PATÉ DE ATUM

 

 

 

Ingredientes 

 

1 lata de atum

1 ovo cozido

1/2 cebola

salsa q.b.

pimenta preta q.b.

maionese q.b.

 

Preparação

 

Coze-se o ovo e esmaga-se com um garfo.

Junta-se a cebola bem picadinha (muito miudinha).

De seguida, acrescenta-se o atum escorrido e desfeito, com a ajuda de um garfo.

 

 

 

Agora é a vez da  salsa picadinha, a pimenta e por fim a maionese.

(Se  pretender poder-se-á usar maionese caseira ou poder-se-á optar pela comprada).

 

Finalmente, verte-se em tacinhas e enfeita-se com salsa picada ou inteira.

 

 

 

 

Atenção : Recomenda-se não acrescentar demasiada maionese, para que o paté não fique muito líquido.

A consistência do paté, depende da quantidade da maionese e também dos ingredientes serem todos picados e esmagados manualmente - por isso, não deve usar-se varinhas mágicas ou outros trituradores eléctricos.

 

 

 

Este é  um paté óptimo para barrar tostinhas de pão, como aperitivo, também, como entrada,  ou como simples petisco.

 

 

    

 

(Tina e Mariana - minha filha)

 

 

 

 

BLUMEN
Dom | 26.04.09

Pãezinhos com chouriço

Tina

 

 

 

PÃEZINHOS COM CHOURIÇO

 

 

 

 

 

50 g de fermento padeiro

2 colheres de sopa de açúcar

1 kg de farinha

3 ovos inteiros

100 g de manteiga

2,5 chávenas de leite

1 colher de chá de sal

salpicão q.b.

 

 

 

Desfaz-se o fermento padeiro,  juntamente com o açúcar,  o leite, a manteiga  e o sal.

Juntam-se duas chávenas de farinha e deixa-se levedar um pouco.

De seguida, acrescenta-se, aos poucos, a restante farinha e leveda um pouco mais.

(Atenção - Deixar levedar em lugar afastado de correntes de ar e sempre coberto com um pano).

Por fim, juntam-se os ovos.

Pode trabalhar-se a massa com as mãos e se for necessário acrescentar um pouco mais de farinha, poderá fazê-lo. Só no caso de achar que a massa está muito líquida.

Leveda um pouco mais.

Tendem-se bolinhas, do tamanho de tangerinas, sempre com as mãos polvilhadas de farinha. Introduz-se dentro, rodelas de chouriço, duas ou três rodelas, porque a massa aumente muito de volume.

Leva-se ao forno, em tabuleiro untado de manteiga e polvilhado de farinha.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
Dom | 26.04.09

Pudim de pão

Tina

 

 

PUDIM DE PÃO

 

 

 

 Ingredientes

 

 

2 pães (papo secos) atrasados

0,5 litro de leite quente

1 cálice de vinho do Porto

raspa de 1 laranja

4 ovos inteiros

250 g de açúcar

 

 

Preparação

 

Desfaz-se no leite quente o miolo do pão e passa-se esta mistura, pela varinha, para se diluir melhor.

Junta-se agora o açúcar, os ovos (que foram previamente batidos).

De seguida, acrescenta-se o vinho do Porto e a raspa de laranja.

Coze em banho-maria.

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

BLUMEN
Dom | 26.04.09

Bavarois de morango e ananás

Tina

 

 

 

 

 

 

500 g de açúcar

2 chávenas de água

sumo de uma lata de ananás

 7 folhas de gelatina grandes ou 14 das pequenas

12 ovos

12 morangos

 

 

 

 

 

Leva-se ao lume até se obter um ponto de pérola o açúcar com a água.

De seguida, junta-se o sumo do ananás (onde se juntaram pelo menos 3 das rodelas de ananás trituradas),  e volta ao lume, até tomar o mesmo ponto.

Deixa-se arrefecer um pouco e vão-se juntando as gemas previamente batidas e coadas. De novo, vai ao lume brando, mexendo sempre, até engrossar.

Ainda ao lume, acrescenta-se a gelatina, que esteve a  amolecer em água fria, durante cerca  10 minutos.

Retira-se do lume.

Trituram-se os morangos, já lavados, e misturam-se ao preparado.

 

 

 

 

 

Batem-se as claras em castelo, bem firme, e vão-se acrescentando ao creme anterior (envolvendo-as delicadamente).

Tem-se uma forma apropriada para bavaroise, de vidro ou outro material próprio para ir ao congelador, com buraco no meio e molha-se com água essa forma.

Agora,  verte-se para dentro o preparado. 

Leva-se ao congelador dum dia para o outro.

Para se desenformar, molha-se o fundo da forma, em água quente (muito rapidamente).

Num prato, podemos colocar a bavaroise e enfeitar ao gosto, com rodelas de ananás e morangos cortados ou inteiros, com chantilly, com fios de ovos, salpicado de pepitas coloridas ou de chocolate, enfim , como quisermos.

 

MUITO BOA ESTA BAVAROISE, PODEM ACREDITAR !!!!!

 

 

 

 

 

(Tina e Mariana - minha filha)

 

 

 

 

 

BLUMEN
Sex | 24.04.09

Areados de chocolate

Tina

 AREADOS

 

 

 

 

200 g de chocolate em tablete

250 g de manteiga

250 g de açúcar

4 ovos

1,5 dl de natas

850 g de farinha

manteiga q. b.

 

Derrete-se o chocolate em banho-maria.

Bate-se bem a manteiga até ficar branca.

Junta-se o açúcar e bate-se um pouco mais, até se obter um creme esbranquiçado.

De seguida, adicionam-se os ovos, um a um, batendo bem, entre cada adição.

Acrescentam-se agora as natas, o chocolate derretido e a farinha.

 

Amassa-se tudo muito bem e enche-se um saco pasteleiro com boquilha frisada.

Unta-se um tabuleiro de manteiga e farinha ou forra-se de papel vegetal.

Dispõem-se pequenos montinhos de massa , com o saco pasteleiro.

Leva-se ao forno a 190º C e cozem-se os bolinhos durante cerca de 12 minutos.

 

 

 

 

(Tina e Mariana - minha filha)

 

 

 

 

 

BLUMEN
Sex | 24.04.09

Biscoitos amanteigados

Tina

 

 

AMANTEIGADOS

 

 

 

 

125 g de açúcar

100 g de manteiga

125 g de farinha

1 colherinha de fermento

1 ovo

 

Mistura-se o açúcar com a manteiga e junta-se o ovo batido (clara e gema).

Depois de tudo bem amassado, acrescenta-se a farinha e o fermento.

Amassa-se até se obter uma massa homogénea.

Pode juntar-se mais um pouco de farinha, se necessário.

Tendem-se bolinhas que se pincelam de gema de ovo batido. Levam-se ao forno em tabuleiro untado de manteiga e polvilhado de farinha.

 

 

 

 

 

(Tina e  Mariana - minha filha)

 

 

 

 

 

 

BLUMEN
Sex | 24.04.09

Tarte de leite condensado

Tina

 

 TARTE DE LEITE CONDENSADO

 

 

 

 

 

 

 

Ingredientes

 

150 g de manteiga

1 pacote de bolacha Maria

4 ovos

1 limão

1 lata de leite condensado

3 colheres de açúcar

 

 

Preparação

 

Rala-se a bolacha Maria e amassa-se com a manteiga

Num tacho, junta-se o leite condensado com a gemas e sumo de limão.

Leva-se ao lume até levantar fervura.

Verte-se o preparado para uma tarteira e leva-se ao forno até cozer.

Entretanto, enquanto coze, batem-se as claras em castelo e aos poucos, vai-se acrescentando, 3 colheres de açúcar, até se obter uma massa consistente.

Já com a tarte  retirada do forno, cobre-se a mesma com este último preparado e volta a levar-se ao forno, desta vez, a alourar.

Cuidado para não queimar ......

 

 

 

 

(Tina e  Mariana -  minha filha)

 

 

 

 

 

BLUMEN

Pág. 1/2