Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





coelho estufado com favas

por Tina, em 31.05.10

                                       receita para cerca de 6 pessoas

 

 

 

1 coelho cortado aos bocados

2 cebolas grandes cortadas em gomos grossos

6 dentes de alho inteiros

1 folha de louro

2 copos de vinho maduro tinto

1/2 cálice de whisky

azeite q.b.

2 colheres de sopa de polpa de tomate

sal q. b.

2 malaguetas de piripíri

um raminho de salsa

favas descascadas q. b. (cerca de 2 chávenas almoçadeiras)

 

 

Cobre-se o fundo dum tacho com azeite.

Junta-se a cebola, os alhos, o piripíri, o louro, a salsa, o tomate pelado, o vinho, o whisky e o sal.

Mexe-se tudo e juntam-se os pedaços de coelho cortados.

Envolvem-se os pedaços nesse molho e deixa-se marinar durante cerca de 1 hora.

Leva-se ao lume brando, tapado e, de quando em quando, mexe-se com colher.

Quando estiver quase cozinhado (no ponto que se pretende), acrescentam-se as favas.

Envolvem-se no preparado, rectificam-se os temperos e leva-se ao lume até as favas cozinharem.

 

Se pretender pode preparar este prato com frango em vez de coelho.

Pode acompanhar com batata cozida ou arroz branco.

 

 

(Tina)

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


creme de legumes e favas

por Tina, em 25.05.10

 

 

  

1,5 l de água

1 colher de sopa  de azeite

sal q. b.

250 g de favas com casca (das novas)

2 batatas médias

1 cebola pequena

2 dentes de alho

1 raminho de salsa

1 nabo médio

3 cenouras pequenas

meia curgete

6 folhas de alface

 

 

Juntam-se todos os ingredientes numa panela, com a água, cortados e previamente descascados e lavados.

O azeite, reserva-se para o fim.

Leva-se a cozer a lume brando e tapado. 

 

Quando cozido, passa-se a varinha até obter um puré.

Rectifica-se o tempero de sal.

Por fim, junta-se o azeite e leva-se a aquecer um pouco, apenas.

 

 

Poderemos utilizar favas congeladas, e nessa altura, devemos escaldá-las, levemente, em água a ferver, para se poder retirar a casca de dentro.

De notar, que apenas utilizo a casca, se forem favas frescas.

 

 

(Tina)

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


bola de carne da Susana

por Tina, em 18.05.10

Receita duma "Bola de Carne" muito fofinha e com óptimo sabor, de minha sobrinha, Susana, que gentilmente, me permitiu postar em meu "Papo Cheio".

"Bom Apetite" para todos!....

 

 

30 g fermento padeiro

sal q.b.

1 colher de sopa de açúcar

1/2 kg de farinha sem fermento

4 ovos

2 colheres de sopa de margarina ou manteiga derretida

2 colheres de sopa de azeite

2 chávenas,de chá, de leite morno (equivalente a  4 dl de leite)

mortadela q. .b

fiambre q. b.

fiambrino q. b.

barriga fumada q.b.

queijo q. b.

chourição q. b.

 

 

 

 

Juntar os três primeiros ingredientes (o sal, o açúcar e o fermento) num recipiente grande e abanar um pouco, o recipiente para estes ingredientes se misturarem.

Deixar que os ingredientes se misturem e se incorporem bem para, posteriormente,  se poder mexer um pouco. 

 

 Quando os ingredientes estiverem incorporados, bater com a batedeira.

Acrescentar o leite, metade da farinha, a margarina ou manteiga, o azeite, 2 ovos inteiros, o resto da farinha e os outros dois ovos.

Continuar sempre a bater até a massa “cair em fita”.

Untar uma forma baixinha, rectangular, (ou tabuleiro), com manteiga. 

Depois da massa estar pronta, espalhar um bocado no fundo da forma.

Colocar por cima algumas fatias de fiambre, barriga fumada, queijo, mortadela.

Em camadas, alternadas, cobrir a forma, com camadas finas de massa de carnes e de queijo., sendo a última camada de massa fina.

Deixar a massa a levedar no tabuleiro, (até esta aumentar, um pouco, de volume) e só depois, levar ao forno na 2ª prateleira a contar de baixo, a uma temperatura de 220 graus, durante cerca 30 minutos.

 

 

Quando pronta, servir quente ou fria e cortar, de preferência, com faca de serrilha.

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


Semi-frio de morango

por Tina, em 14.05.10

Sobremesa deliciosa, amavelmente, cedida, por  minha sobrinha, Susana, bem como as fotos que estou a postar...

 

 

200 g de bolacha Maria

150 g de margarina ou manteiga

2 pacotes de natas

5 folhas de gelatina incolor

1 lata de leite condensado

Doce de morango (compota)

 

 

Untar uma forma redonda de fundo amovível com margarina ou manteiga.

Ralar as bolachas na picadora.

Derreter a margarina ou manteiga e juntar à bolacha Maria ralada.

Misturar tudo muito bem.

Forrar o fundo da forma com este preparado e levar ao congelador para endurecer.

Pegar em 4 folhas de gelatina e colocá-las num recipiente com água frita (até cobri-las), durante 4 minutos.

De seguida,  retirá-las para um pano e limpá-las muito bem.

Dilui-las com uma colher de sopa de água a ferver.

Bater as natas até fazer chantilly.

Quando o chantilly estiver feito, juntar 1 lata de leite condensado e a gelatina derretida.

Colocar este preparado na forma, por cima da bolacha Maria e levar ao congelador.

No dia seguinte, depois do creme estar congelado, juntar doce de morango com 1 folha de gelatina derretida.

Depois verter, este preparado,  na forma, por cima do creme.

Levar novamente ao congelador.

 

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


feijoada de chocos

por Tina, em 10.05.10

 

 

                                   (receita para cerca de 6 a 8 pessoas)

 

 

2,5 latas de feijão branco cozido

2 kg de chocos grandes limpos e cortados aos bocados

sal q.b.

azeite q. b.

1 malagueta de piripíri

1 raminho de salsa

1 folha de louro

2 cebolas picadas

2 dentes de alho  laminados

1 copo de vinho branco ou de cerveja com álcool

2 colheres de polpa de tomate

3 rodelas de chouriço vermelho

água q. b.

 

 Cobrir o fundo dum tacho com azeite.

Juntar a cebola, os alhos e o chouriço.

Levar ao lume, a amaciar a cebola, sem queimar, sempre em lume brando.

De seguida, juntar os bocados de choco e a polpa de tomate.

Mexer com colher, acrescentar o piripíri, a folha de louro e a salsa.

Tapar e deixar cozinhar durante algum tempo.

Mexer, de novo e acrescentar aos poucos o vinho ou a cerveja.

Tapar de novo, depois de mexer e deixar cozer o choco. Se necessário, acrescentar um pouco de água.

Cozinhar sempre em lume brando.

Quando se achar que o choco está cozido, temperar de sal.

Juntar o feijão, mexer e tapar novamente.

Quando o feijão tomar o paladar do molho, apagar o lume e reservar.

Enquanto reserva, o molho vai engrossando e o paladar vai-se tornando mais acentuado.

Mas, antes, deve-se rectificar o tempero de sal

Se preferir, servir acompanhado dum arroz solto, seco.

 

 

 

(Tina)

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


arroz de favas

por Tina, em 08.05.10

 

 

 

1 chávena de arroz carolino

2 chávenas e meia a 3 de água quente

sal a gosto

azeite q. b.

1 cebola picada

1 dente de alho laminado

favas frescas com casca q. b.

3 colheres de sopa de vinho branco maduro

2 rodelas de chouriço ou salpicão

 

 

Leva-se ao lume um tacho coberto no fundo com azeite, com  a cebola e os alhos picados.

Junta-se o salpicão ou chouriço.

Deixa-se amaciar a cebola, sem deixar que se queime, em lume moderado.

Sempre com lume brando, vai-se acrescentando o vinho e tapa-se.

Deixa-se cozinhar um pouco e juntam-se as favas com a casca.

Volta a cozinhar um pouco e junta-se a água.

Rectifica-se o tempero de sal.

Quando ferver, acrescenta-se o arroz.

Mexe-se e tapa-se. Cozinha, de novo,  em lume brando.

Não deixar queimar no fundo.

Não deixar secar muito o arroz.

 

 

Acompanha carne, peixe, ou que se pretender.

 

Uma receita também muito básica, fácil de confeccionar e nada dispendiosa.....

 

  

(Tina)

  

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


coxinhas de frango assadas no forno

por Tina, em 07.05.10

 

                                      

 

 

coxas de frango - a quantidade que se pretender conforme o número de pessoas e do que comem.

sal  q . b.

piripíri  a gosto

1 cálice de vinho branco maduro

meio cálice de whisky

3 colheres de vinagre de vinho

bastantes alhos laminados

azeite q. b.

alecrim q. b.

 

 

Cobre-se o fundo de uma assadeira com azeite. Colocam-se dentro as coxas de frango, cortadas a meio (bocados pequenos), depois de bem lavados.

Tempera-se com sal e piripíri.

Rega-se com o vinho, o vinagre e com o whisky.

Salpica-se com o alecrim.

Com colher, misturam-se todos os ingredientes no frango.

 

Leva-se ao forno  médio a assar.

De quando em quando, vão-se virando as coxas e regando com o molho.

 

Serve-se, quando bem assado, com uma salada, com batata frita ou arroz branco.

 

Uma receita simples, muito básica e que não é dispendiosa.

 

 

  (Tina)

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


Bavarois de ananás....

por Tina, em 05.05.10

...a mesma receita que postei há um ano mas com outra imagem...

 

 

 

 

Para saber como confeccionar a mesma, basta dar fazer um clique aqui.

 

 

Bom apetite!...

 

 

(Tina)

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


Bavarois de morango

por Tina, em 03.05.10

.

 

 

 

500 g de açúcar

2 chávenas de água

1,5 kg de morangos lavados e triturados

 7 folhas de gelatina grandes ou 14 das pequenas

12 ovos

 morangos para enfeitar

 

 

Leva-se ao lume até se obter um ponto de pérola o açúcar com a água.

De seguida, juntam-se os morangos triturados e volta ao lume até se obter o mesmo ponto.

Deixa-se arrefecer um pouco e vão-se juntando as gemas previamente batidas e coadas.

De novo, vai ao lume brando, mexendo sempre, até engrossar.

Ainda ao lume, acrescenta-se a gelatina, que esteve a  amolecer em água fria, durante cerca  10 minutos.

Retira-se do lume.

 

Batem-se as claras em castelo, bem firme, e vão-se acrescentando ao creme anterior (envolvendo-as delicadamente).

Tem-se uma forma apropriada para bavarois, de vidro ou outro material próprio para ir ao congelador, com buraco no meio e molha-se com água essa forma.

Agora,  verte-se para dentro o preparado. 

Leva-se ao congelador dum dia para o outro.

Para se desenformar, molha-se o fundo da forma, em água quente (muito rapidamente).

Num prato, podemos colocar a bavarois e enfeitar ao gosto, com morangos cortados ou inteiros, com chantilly, com fios de ovos, salpicado de pepitas coloridas ou de chocolate, enfim , como quisermos....ou até com outro creme a gosto.

 

Por vezes costumo fazer um creme óptimo (que muitos chamam "Baba de Camelo"), que deve ser muito conhecido por todos:

 

Ferver durante cerca de 1 hora numa panela uma lata de leite condensado.

Deixar arrefecer e de seguida, abrir com cuidado a lata.

Verter o leite num recipiente e acrescentar 6 gemas bem batidas e coadas. (Cuidado, para não cozerem..mexer firmemente e sem parar).

Por fim, envolver as claras em castelo.

Levar ao frio.

Enfeitar com este creme a bavarois

Atenção: Este creme é bastante doce.

 

MUITO BOA ESTA BAVAROIS, PODEM ACREDITAR

 

  

(Tina)

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)