Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





paelha de coelho

por Tina, em 11.04.12

 

 

 

1 coelho limpo e cortado aos bocados

azeite q. b.

sal. q. b.

4 rodelas de salpicão ou chouriço de colorau

1 folha de louro

1 ramo de salsa

2 cebolas

4 dentes de alho

1 malagueta de piripíri

2 colheres de sopa de polpa de tomate

1 colher de sopa de açafrão

1 colher de sobremesa de caril

2 chávenas de arroz próprio para paelha ou então arroz estufado ou vaporizado

4 chávenas de água quente

 

 

 

 

 

 

 

Cobrimos o fundo dum tacho próprio para paelha, com azeite, onde picamos a cebola e alhos e juntamos o sal, o chouriço de colorau ou salpicão cortado aos quadrados pequenos, a salsa, a folha de louro e a malagueta de piripíri.

 

Deixamos refogar um pouco, sem deixar queimar a cebola (somente o suficiente para ficar macia).

 

Introduzimos os bocados de coelho (que estiveram durante cerca de 1 hora numa marinada de vinho, sal e alhos), e deixamos que eles fritem nesse molho, sem queimar. Nesta altura, podemos juntar o açafrão, o caril e a polpa de tomate.

 

Quando o coelho estiver cozinhado, retira-se e reserva-se num recipiente ao lado.

 

Adicionamos o arroz, e vamos fritando na gordura que se formou, com o auxílio de uma colher, sempre mexendo.

 

No momento de estar bem frito, acrescentamos a água quente, o coelho e deixamos cozer em lume brando.

Ter em atenção, que este arroz só deve ser mexido na altura em que é acrescentada a água.

 

Encontrar-se-á pronto, quando não houver líquido e, se ao provarmos, ele se encontrar no ponto pretendido.

Há quem leve ao forno. Este foi levado ao forno a alourar.

 

     

 

 

Uma dica: Há quem esprema meio limão em cima da paelha na hora de servir, mas, isso depende do gosto de cada um.

 

 

 

 

 

(Tina)

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.