Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




pão fofinho

por Tina, em 13.04.11

 Enquanto minha filhota, Mariana, se encontra a cuidar de mim, depois da minha cirurgia, tenta presentear-me com pratos diferentes ou boas sobremesas ...

E, desta vez, tentou mimar-me, confeccionando uma receita dum pãozinho agradável, receita esta, de uma tia minha.

Embora se assemelhe a um regueifa, trata-se dum pão nada doce e que aconselho ser acompanhado com uma boa compota, com manteiga ou simplesmente torradinho em fatias... Sempre de mãos dadas com o meu chazinho de erva cidreira, claro!

 

 

 

 4 ovos inteiros

1 lata de leite condensado (tamanho normal)

a mesma lata de água morna

1 pitada de sal

1/2 lata de óleo

30g de fermento padeiro

1 kg de farinha de trigo sem fermento

1 ovo inteiro para pincelar

 

 

   

 

 

 

 Desfaz-se o fermento padeiro no leite condensado, depois acrescenta-se a água morna, um pouco de farinha, o sal e volta a mexer-se, tentando que tudo fique  bem desfeito e homogéneo.

Juntam-se agora os ovos um a um, ao mesmo tempo que se vai peneirando a farinha a pouco e pouco, mexendo e misturando tudo com colher.

Por fim,  acrescenta-se o óleo, mistura-se bem, até obter uma massa homogénea.

Cobre-se com um pano e reserva-se num lugar longe de correntes de ar, até levedar, cerca de 1 hora ou até mais.

Quando a massa estiver lêveda, com as mãos enfarinhadas, tendem-se bolinhas com buraco no meio, ou outro feitio que se pretender.

Colocam-se num tabuleiro untado e forrado de papel vegetal, também este untado de manteiga.

Pincelam-se com o ovo inteiro batido.

O forno deve estar pré-aquecido.

Cozem a cerca de 180º.... depende do forno, claro!

Esta receita dá para uma boa quantidade de pães...!

 

 

 

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


fofos de pão

por Tina, em 01.11.10

 

Ontem, tinha em casa algum pão atrasado (papo seco) e habitualmente faço tostas, rabanadas diversas, ovos mexidos, pudim de pão, pão ralado... enfim, há sempre uma forma de aproveitamento de sobras de pão.

Mas...apeteceu-me algo doce... !

Algo diferente!

Lembrei-me de experimentar a confecção de uma espécie de fofos de pão, cobertos e açúcar e canela.

 

 

Tinha 6 pães

açúcar a gosto

1 pitada de sal

1 fava de baunilha

leite q. b.

1 pau de canela

canela em pó q.b.

1 casca de limão

8 gemas e 4 claras

canela em pó e açúcar para cobrir os fofos q. b.

óleo q.b.

 

 

 

Comecei por cortar o pão aos bocados, com tesoura de cozinha

 

 

Verti o leite para um tacho (cerca de 1 litro), juntei  a canela em pó, a fava de baunilha, o pau de canela, o açúcar (a gosto), a casca de limão, a pitada de sal e levei ao lume a aquecer um pouco.

Mergulhei o pão, nessa mistura durante algum tempo, de maneira a que o pão ficasse completamente desfeito.

Ao lado, numa taça, bati as gemas, com o claras até obter uma gemada consistente.

Comecei por coar o pão num coador. Retirei o pau de canela, fava de baunilha e casca de limão.

Com colher, espremi um pouco o pão , de forma a ficar com pouco líquido!

De seguida, juntei as gemas ao pão e  misturei esse preparado com as mãos.

Reservei.

Levei ao lume uma caçarola com bastante óleo.

Aqueci o óleo e fui introduzindo colheradas do preparado, mas de forma a não deixar ir com muito líquido.

Não fritei muitos de cada vez, pois como o pão tem fermento, eles tendem a crescer.

Retirei os fofos do óleo à medida que foram cozinhando.

Ter em atenção para não os não deixar queimar e ir virando de quando em vez, com garfo e colheres.

 Deixei escorrer em papel absorvente muito bem e fui substituindo o papel para  ficarem completamente escorridos de óleo. Por fim, passei pela mistura de açúcar e canela e coloquei num recipiente de servir à mesa.

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


Pudim de pão

por Tina, em 26.04.09

 

 

PUDIM DE PÃO

 

 

 

 Ingredientes

 

 

2 pães (papo secos) atrasados

0,5 litro de leite quente

1 cálice de vinho do Porto

raspa de 1 laranja

4 ovos inteiros

250 g de açúcar

 

 

Preparação

 

Desfaz-se no leite quente o miolo do pão e passa-se esta mistura, pela varinha, para se diluir melhor.

Junta-se agora o açúcar, os ovos (que foram previamente batidos).

De seguida, acrescenta-se o vinho do Porto e a raspa de laranja.

Coze em banho-maria.

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)