Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




paelha de coelho

por Tina, em 11.04.12

 

 

 

1 coelho limpo e cortado aos bocados

azeite q. b.

sal. q. b.

4 rodelas de salpicão ou chouriço de colorau

1 folha de louro

1 ramo de salsa

2 cebolas

4 dentes de alho

1 malagueta de piripíri

2 colheres de sopa de polpa de tomate

1 colher de sopa de açafrão

1 colher de sobremesa de caril

2 chávenas de arroz próprio para paelha ou então arroz estufado ou vaporizado

4 chávenas de água quente

 

 

 

 

 

 

 

Cobrimos o fundo dum tacho próprio para paelha, com azeite, onde picamos a cebola e alhos e juntamos o sal, o chouriço de colorau ou salpicão cortado aos quadrados pequenos, a salsa, a folha de louro e a malagueta de piripíri.

 

Deixamos refogar um pouco, sem deixar queimar a cebola (somente o suficiente para ficar macia).

 

Introduzimos os bocados de coelho (que estiveram durante cerca de 1 hora numa marinada de vinho, sal e alhos), e deixamos que eles fritem nesse molho, sem queimar. Nesta altura, podemos juntar o açafrão, o caril e a polpa de tomate.

 

Quando o coelho estiver cozinhado, retira-se e reserva-se num recipiente ao lado.

 

Adicionamos o arroz, e vamos fritando na gordura que se formou, com o auxílio de uma colher, sempre mexendo.

 

No momento de estar bem frito, acrescentamos a água quente, o coelho e deixamos cozer em lume brando.

Ter em atenção, que este arroz só deve ser mexido na altura em que é acrescentada a água.

 

Encontrar-se-á pronto, quando não houver líquido e, se ao provarmos, ele se encontrar no ponto pretendido.

Há quem leve ao forno. Este foi levado ao forno a alourar.

 

     

 

 

Uma dica: Há quem esprema meio limão em cima da paelha na hora de servir, mas, isso depende do gosto de cada um.

 

 

 

 

 

(Tina)

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


pAELHA DE cOXINHAS DE fRANGO

por Tina, em 24.05.09

Receita para cercade 6 pessoas 

 

 

 

8 coxinhas (inteiras) de frango cortadas aos bocados

azeite q. b.

sal. q. b.

4 rodelas de salpicão ou chouriço de colorau

1 folha de louro

1 ramo de salsa

2 cebolas

4 dentes de alho

1 malagueta de piripíri

2 colheres de sopa de polpa de tomate

1 colher de sopa de açafrão

1 colher de sobremesa de caril

2 chávenas de arroz próprio para paelha ou então arroz estufado ou vaporizado

4 chávenas de água quente

 

 

 

 

 

 

 

Cobrimos o fundo dum tacho próprio para "PAELHA" com azeite, onde picamos a cebola  e alhos e juntamos o sal, o chouriço de colorau ou salpicão cortado aos quadrados pequenos, a salsa, a folha de louro e a malagueta de piripíri.

 

Deixamos refogar um pouco, sem deixar queimar a cebola (somente o suficiente para ficar macia).

 

Introduzimos os bocados de frango e deixamos que eles fritem nesse molho, sem queimar. Nesta altura, podemos juntar o açafrão, o caril e a polpa de tomate.

 

Quando o frango estiver cozinhado, retira-se e reserva-se num recipiente ao lado.

 

Adicionamos o arroz, e vamos fritando na gordura que se formou, com o auxílio de uma colher, sempre mexendo.

 

No momento de estar bem frito, acrescentamos a água quente, o frango e deixamos cozer em lume brando. Ter em atenção, que este arroz só deve ser mexido na altura em que é acrescentada a água.

 

Encontrar-se-á pronto, quando não houver líquido e, se ao provarmos, ele se encontrar no ponto pretendido.

 

Uma dica: Há quem esprema meio limão em cima da paelha na hora de servir, mas, isso depende do gosto de cada um.

 

 

 

 

 

  (Tina)

 

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


Paelha de Bacalhau

por Tina, em 16.05.09

 

 

Receita para cerca de 6 pessoas 

 

 

(Dose para cerca de 5 a 6 pessoas)

 

4 postas de bacalhau demolhado

azeite q. b.

2 cebolas médias

4 dentes de alho

1 pimento vermelho

sal q. b.

1 colher de sopa de polpa de tomate

1 colher de sobremesa de açafrão

1 colher de chá de caril

2 chávenas de arroz estufado, próprio para paelha  ou vaporizado

4 chávenas de água quente

4 rodelas de salpicão cortado aos quadradinhos pequenos

1 folha de louro

piripíri (se quiser)

 

 

 

Cobre-se o fundo dum tacho próprio para "PAELHA", com azeite.

Juntam-se as cebolas e os alhos picados, a folha de louro, o salpicão cortado aos cubos pequenos,  o sal, o piripíri (se pretender picante), e os pimentos cortados aos pedacinhos pequenos.

Vai a refogar, até a cebola amaciar.

Junta-se o açafrão, a polpa de tomate e o caril. Cozinha um pouco.

Agora é a vez de juntar o bacalhau demolhado, também cortado aos cubos.

Deixa-se refogar um pouco mais até o bacalhau ficar mais ou menos frito.

Retiram-se os bocados do bacalhau para um recipiente à parte e reserva-se.

Entretanto, acrescenta-se o arroz e deixa-se fritar bem. Quando frito, acrescenta-se a água quente, o bacalhau, rectifica-se de sal e deixa-se cozinhar no mínimo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(Tina)

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


Minha Paelha

por Tina, em 01.05.09

 

MINHA PAELHA

 

 

 

Receita para cerca de 6 a 8 pessoas 

 

1 embalagem de miolo de gambas (congeladas)

1 embalagem de miolo de camarão (congelado)

pode acrescentar outro marisco a quantidade  q.b.

250 g de carne de porco (pode ser bifana)

1/2 chouriço de colorau

azeite q.b.

sal q. b.

1 folha de louro

1 pimento vermelho

piripíri q. b.

3 colheres de polpa de tomate

1 copo de vinho maduro branco

2 colheres de sopa de açafrão

1 colher de sopa de caril

1 cenoura cortada aos quadrados pequenos

1 chávena de ervilhas

arroz q.b. - para 4 pessoas cerca de 1 chávena almoçadeira

(o arroz pode ser agulha, estufado ou vaporizado)

água - sempre o dobro do arroz

2 cebolas picadas

2 dentes de alho picados

1 raminho de salsa picada

 

 

 

 

 

Começa-se por cobrir o fundo dum tacho com azeite.

Picam-se as cebolas e alhos e acrescentam-se.

Corta-se o chouriço aos cubinhos pequenos e levam-se ao lume com o sal, o louro, o piripíri e as carnes cortadas aos bocados pequenos.

Deixa-se cozinhar mais um pouco, e acrescenta-se o tomate, o pimento aos bocadinhos pequenos, e a cenoura.

Volta a cozinhar e vai-se acrescentando aos poucos o vinho.

Rectificam-se os temperos.

Juntam-se os camarões, as gambas e se quiser o outro marisco, ao mesmo tempo que se adiciona o açafrão e caril.

Junta-se a salsa e as ervilhas.

Quando estiver apurado, acrescenta-se a água quente e o arroz.

Deixa-se cozinhar, agora, lentamente, e, se necessitar de rectificar os temperos, poderá fazê-lo também.

Ferve um pouco mais e  está pronto a servir.

Convém que o tacho seja próprio para paelha, com base larga e com pouca altura.

 

 

( Tina) 

 

 

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags: