Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




fusillis e cotovelos.......

por Tina, em 28.01.10

 

 

receita para 4 pessoas

 

 

 

 

 

....em cama com polvo macio.... 

 

 

250 g de massa espirais (fusillis) e cotovelos, misturados

azeite q. b.

1 cebola

3 dentes de alho picados

sal q. b.

3 rodelas de salpicão ou chouriço vermelho

1 polvo pequeno

1 folha de louro

1 raminho de salsa

1 raminho de coentros

1/2 copo de vinho branco

água q. b.

 

 

 

 

Cobre-se o fundo dum tacho com azeite, onde se junta a cebola laminada assim como os alhos picados, a folha de louro, a salsa e os coentros.

Leva-se ao lume a alourar um pouco a cebola (não deve queimar).

Junta-se o polvo depois de devidamente limpo, cortado à rodelinhas pequenas, assim como o chouriço ou salpicão.

Leva-se de novo ao lume, tapado, e deixa-se refogar durante algum tempo, sempre vigiando e de quando em quando, acrescentando aos poucos o vinho.

Vai-se mexendo de vez em quando  para não torrar, assim como se deve acrescentar água suficiente, quente, também esta, aos poucos.

Deixa-se refogar durante algum tempo, sem deixar queimar até o polvo cozer completamente.

Só quando estiver cozido é que se deve temperar de sal.

Acrescenta-se água quente, suficiente, e deixa-se ferver.

Por fim, junta-se a massa fusillis e cotovelos e tapa-se de novo até cozer.

Antes de tapar, recticam.se os temperos, neste caso apenas de sal.

Mexe-se para não torrar no fundo. O lume deve ser brando.

 

 

Retira-se do lume quando a massa estiver cozida al-dente e tiver ainda um pouco de molho. Não deve deixar-se secar por completo.

Quem gostar de polvo, vai saborear este delicioso prato.....acreditem!

 

 

 

(Tina)

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


polvo assado

por Tina, em 06.11.09

receita para cerca de 6 pessoas 

 

 

 

3 polvos pequenos

2 cebolas médias cortadas às rodelas

4 dentes de alho laminados

1 copo de vinho maduro branco

2 colheres de sopa de polpa de tomate

1 malagueta de piripíri

1 folha de louro

batatas q. b.

azeite q. b.

1 raminho de salsa

 

 

 

De  preferência, o polvo, deve estar congelado e deve  deixar -se descongelar normalmente, pois, desta forma não ficará duro.

Começa-se por limpar e lavar o polvo muito bem.

 

 

 

Cobre-se o fundo dum tacho com azeite.

Juntam-se as cebolas às rodas, os alhos laminados, o piripíri, a folha de louro, a polpa de tomate, a salsa e o polvo. Mexe-se tudo, para ficar bem misturado.

Leva-se ao lume e vai-se mexendo, de quando em quando.

Passados, cerca de 8 a 10 minutos, acrescenta-se o vinho e mexe-se de novo.

Atenção, que não se deve juntar o sal, antes do polvo ficar completamente cozido, pois se o fizermos, poderá ficará duro.

 

 

 

 

Deixa-se cozinhar em lume brando, durante algum tempo, vigiando sempre, para não queimar no fundo.

Para isso, vamos, de quando em vez, virando com colher e mexendo o molho.

 

 

Quando acharmos que o polvo já se encontra numa fase boa de cozedura (molinho), acrescentam-se as batatas e o sal a gosto.

Deixa-se refogar uns minutos e retira-se do lume.

 

 

Verte-se tudo para uma assadeira, rectificam-se os temperos. Se gostar pode juntar um pouco de pimenta.

Leva-se ao forno a acabar de cozinhar.

Quando pronto, servir acompanhado de uma boa salada.

 

 

 

 

 

(Tina) 

 

música: Nana Mouskouri-Amapola 

 http://www.youtube.com/watch?v=5YdeU4s-KN8

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)


Arroz de Polvo à minha moda

por Tina, em 06.05.09

 

 Receita para cerca de 6 a 8 pessoas

 

 

 

1 polvo grande

cerca de 1 dl de azeite

sal a gosto

1,5 chávena de arroz carolino

4,5 chávenas  de arroz

1 folha de louro

1 copo de vinho maduro branco

1 malagueta pequena de piripíri

4 rodelas de chouriço vermelho

2 cebolas

3 dentes de alho

1 pouco de coentros (se gostar)

 

 

 

 

Cobre-se o fundo do tacho com o azeite, (cerca 1 dl de azeite).

Cortam-se as rodelas de chouriço e juntam-se com a cebola, e os alhos picados.

Vai ao lume brando a  alourar, um pouco, a cebola sem queimar.

Agora, junta-se o polvo (já descongelado), que deve estar bem lavado e cortado aos bocados.

Notar que o polvo deve ter sido congelado, pois ficará mais tenro.

Não se deve acrescentar de início o sal, pois dessa forma, o polvo ficará mais duro. Só deverá juntar-se o sal, quando o polvo estiver cozido, quase no fim , quando se acrescentar o arroz e a água.

(Nota: Não costumo cozer o polvo, antes de o cozinhar, quando confecciono "arroz de polvo", pois, considero que ele ficará muito mais gostoso desta forma).

Em lume brando, deixa-se refogar o polvo lentamente, com a folha de louro e se quiser, um pouco de coentros.

Acrescenta-se então o vinho.

Vai-se  acrescentando aos poucos, a água e por fim o sal e arroz.

(Há outro processo - Acrescentar primeiro o arroz, ir fritando nessa gordura que se formou com o polvo e, por fim, juntar a água e temperar de sal).

Este, que apresento,  fiz como digo na primeira forma, ou seja,  primeiro a água e depois o arroz e sal.

Leva-se ao lume de novo (das duas formas de o confeccionar),  até cozer, lentamente e no mínimo.

Cuidado para não torrar no fundo.

 

 

 

 

 

 

 

 

(Tina) 

 

 

 

 

BLUMEN

Autoria e outros dados (tags, etc)